Rádio Engenho Velho

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Curso de Literatura de Cordel e Oficina de Xilogravura

A cidade de Barbalha foi uma das quatro cidades do país a ser selecionado pelo PNUD –Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, que tem como objetivo o fortalecimento das capacidades humanas locais, para participar de um projeto da ONU – Organização das Nações Unidas. Este projeto que visa capacitar pessoas dos três setores da sociedade (público, privado e sociedade civil organizada) além de trabalhar e fortalecer a gestão integrada do município.

Como produto do Diagnóstico Municipal foi construído, com o apoio do GTL – Grupo Local de Trabalho, o Plano de Ação Estratégico de Barbalha onde estão inseridas as temáticas prioritárias para a atuação do Projeto Capacidades no município. Com o objetivo de colocar em prática as ações definidas no Plano, estaremos realizando duas atividades: um Curso de Literatura de Cordel  e uma oficina de Xilogravura.

Público Alvo: cordelistas, poetas, pessoas que já desenvolvem trabalho na área de  literatura de cordel
Vagas: 30 participantes
·     
      Curso de Literatura de Cordel
Facilitadora: Maria do Rosário
Data: 12 a 17 de setembro de 2011
Local: Biblioteca Padre Augusto Mascarenhas, na Secretaria de Cultura
Horário: 18:00 às 21:00hs

·     Oficina de Xilogravura
Facilitador: Edilson Botelho
Data: 19 a 23 de setembro de 2011
Local: Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Barbalha
Horário: 18:00 às 21:00hs

Período de Inscrição: 15 de agosto de 2011 a 05 de setembro de 2011
Local de inscrição: Sala do Projeto Capacidades (PNUD) na Prefeitura Municipal de Barbalha, Rua Princesa Isabel, 187 Centro – Barbalha
Contato: 88 2101 1919 ramal 204 falar com Regilane - CNM

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Entrevista de emprego: como se vestir e agir

- Momentos antes da entrevista faça um pequeno planejamento com o que deve abordar. Ele será muito importante e decisivo para o seu sucesso, mas não deixe de cumpri-lo integralmente;

- Entenda um pouco melhor a cultura da organização, suas crenças, seus valores. Veja se a vaga oferecida combina com o seu perfil. Também procure conhecer a área de atuação, seus produtos e suas principais unidades. Descubra o que a imprensa está falando sobre a mesma;

- Continue estudando a empresa através da internet e também coletando informações com pessoas que trabalham ou já trabalharam por lá, isso evitará algumas gafes emblemáticas ou até mesmo erros básicos;

- Na hora de vestir, procure saber mais sobre o dress code praticado na empresa
contratante. Procure se vestir como as pessoas de lá se vestem diariamente. Outra opção é ser neutro e um pouco mais conservador. Você não precisa ir de terno a uma entrevista se a empresa não utiliza esse traje no dia a dia;

- Nada de calças rasgadas e/ou desfiadas, minissaias, miniblusas. “Barriguinha de fora” nem pensar. Calças sociais são sempre uma boa opção para ambos os sexos. Nos homens, a barba deve estar feita, unhas aparadas e limpas e cabelo penteado. Nas mulheres, pouca maquiagem, bolsa discreta, sapato limpo, unhas feitas e nada de cabelos despenteados;

- Como atividade final deste planejamento, prepare duas ou três perguntas sobre a empresa, o mercado ou a posição. Você certamente será convidado a fazer algumas perguntas. Mas atenção, não vale pergunta sobre a próxima etapa do processo seletivo;

- Durante a entrevista, mantenha a calma. Os entrevistadores entendem a importância deste momento para o candidato;
- Desligue o celular sempre. Tenha foco e concentração, não deixe de responder diretamente o que foi perguntado. Balas, chicletes e cigarros devem ser banidos neste momento;

- Tenha cuidado quando falar de ex-gestores e de ex-empresas. Não é ético falar mal de ex-patrões, afinal, eles não estarão ali para se defender;

- Mantenha total coerência com o seu currículo;

- Evite piadas e intimidade em excesso. Tenha confiança.

 
por: Patricia Teixeira

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Ministérios anunciam edital, prêmio e projeto de intercâmbio voltados para cultura e juventude

O Ministério da Cultura (MinC), por meio da Secretaria de Cidadania Cultural, junto com a Secretaria Nacional de Juventude, vinculada à Secretaria-Geral da Presidência da República, os ministérios da Saúde e do Desenvolvimento Agrário e a Fundação Palmares, anunciaram esta semana – em ato político na cidade de Porto Alegre (Rio Grande do Sul) – uma iniciativa inovadora para o público juvenil.

A estratégia consiste em uma política interministerial, com ações desenvolvidas no âmbito da cultura, contemplando a diversidade desse segmento. As propostas serão formuladas por um Grupo de Trabalho com participação do governo e sociedade civil para serem entregues à apreciação da 2ª Conferência Nacional de Juventude, que será realizada em dezembro de 2011, em Brasília.
Os primeiros projetos foram anunciados na última terça-feira (23/8), durante cerimônia na sede do Ponto de Cultura do Instituto Cultural Afro-Sul Odomodê, com a apresentação das principais idéias do edital “Juventudes: diálogos interculturais em rede”; da 4ª edição do Prêmio Cultura Viva e do projeto “Residências Criativas” de intercâmbio internacional.

Para a Secretária de Cidadania Cultural do MinC, Marta Porto, “a iniciativa inaugura a construção conjunta para uma política estruturante ao mesmo tempo que já anuncia ações concretas e imediatas. Ações essas que buscam valorizar iniciativas culturais juvenis, diretamente propostas por eles, que reconheçam e ou promovam especialmente os direitos humanos, os valores éticos e a qualidade de vida”. Já Severine Macedo, Secretária Nacional de Juventude, ressalta que estas iniciativas marcam um importante momento da política de cultura e juventude: “O envolvimento dos ministérios demonstra que o governo federal, de fato, aposta na capacidade do jovem de produzir as suas ações culturais. O acesso à cultura é um direito e não somente um privilégio.”

O edital “Juventudes: diálogos interculturais em rede”, que será oficialmente lançado em setembro, consiste em um concurso público, por meio do qual o governo pretende valorizar as ações culturais protagonizadas e desenvolvidas por jovens em todo país. A iniciativa busca reconhecer e promover a diversidade da juventude com critérios de seleção que priorizam jovens afrobrasileiros, indígenas, jovens do campo e aqueles que integram os povos e comunidades tradicionais.

Com investimentos da ordem de R$ 4,5 milhões, a ação prevê a oferta de bolsas individuais e coletivas para novos projetos e premiações de iniciativas culturais já finalizadas. Serão selecionadas 1250 iniciativas, sendo: até 600 bolsas individuais no valor de até R$ 15.000,00; até 250 bolsas coletivas no valor de até R$ 40.000,00; até 200 bolsas para viagens de intercâmbio nacional de até R$ 1.500,00; e até 200 prêmios individuais ou coletivos no valor de até R$ 40.000,00. As bolsas são para jovens de 15 a 24 anos e os prêmios para aqueles de 15 a 29 anos. Os interessados devem buscar outras informações e período de inscrições no site do Ministério da Cultura  www.cultura.gov.br/culturaviva

A segunda iniciativa diz respeito à 4ª Edição Nacional do “Prêmio Cultura Viva”, que terá como tema “Cultura e Juventudes” e será desenvolvido pela Secretaria de Cidadania Cultural (SCC-MinC) com a parceria do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). Com investimentos de R$ 3,1 milhões, a edição vai premiar ações culturais desenvolvidas pelo público jovem. Os projetos passam por um processo seletivo, composto por quatro etapas de avaliação: análise preliminar, pré-seleção regional, visitas técnicas e seleção final em nível regional. Outras informações sobre o Prêmio estão disponíveis no endereço www.premioculturaviva.org.br
 
Já as “Residências Criativas” de intercâmbio internacional, consistem em residências e intercâmbios, parcerias firmadas entre empresas de artes, visitas de estudos, cujas atividades envolvam iniciativas dirigidas, especialmente, a jovens em situação de risco.  A iniciativa é realizada em parceria com o People´s Palace Projects, do Reino Unido, entidade com a qual o Programa Cultura Viva mantém intercâmbio desde 2010. Para saber mais sobre o projeto acesse (www.cultura.gov.br/site/2010/03/23/pontos-de-contato-intercambio-cultural-brasil-reino-unido/).

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

“Geopark vai às escolas” entrega de Cartilhas de Educação Ambiental

A Coordenação de Educação Ambiental do Geopark Araripe fará a entrega das Cartilhas de Educação Ambiental nesta sexta-feira, 26/08, ao Colégio CAIC, em Crato. Alunos e professores serão contemplados com o material e ainda, durante o intervalo das aulas, terão uma apresentação do Geopark Araripe. O evento começará às 13h00 até às 17h00.

O objetivo desse programa é divulgar o Geopark Araripe nas escolas de Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Missão Velha, Nova Olinda e Santana do Cariri.  Segundo a Coordenação de Educação Ambiental do Geopark Araripe, serão apresentados vídeos para crianças e professores além da realização de uma oficina de bonecos. Esse projeto tem início no Crato e posteriormente será estendido para os outros cinco municípios.
 
Assessoria de Comunicação Geopark Araripe
Sarah Menezes
Jornalista

Plano Nacional de Conservação do Soldadinho- do-Araripe é lançado no Crato

Foi lançado esta manhã, 25/08, o Plano de Ação Nacional para a Conservação do Soldadinho-do-Araripe, pássaro endêmico da Região do Cariri, que vive no território do Geopark Araripe. O plano é uma realização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio)/MMA e da ONG Aquasis e foi apresentado à comunidade no Auditório do Instituto Cultural do Cariri (ICC).

Em comemoração ao aniversário do ICMBio, que completa hoje quatro anos, o plano também foi lançado em Brasília, no mesmo horário. O objetivo é evitar a extinção do Antilophia bokermanni, nome científico do Soldadinho-do- Araripe. De acordo com a pesquisadora da Aquasis, Karina Linhares, esse é um documento que vai nortear as ações junto à sociedade para tirar esse animal da extinção. “Das 1800 espécies de aves do Brasil, apenas 06 tem plano exclusivo de conservação”, ressaltou Weber Girão, da Aquasis.

Entre as metas previstas estão a proteção das nascentes de mata úmida de encostas nos municípios de Crato, Barbalha e Missão Velha, lugares onde ocorrem o pássaro. Atualmente, relatou Weber, existem apenas 800 indivíduos existentes e alguns deles já não se reproduzem. Entre outras metas, também estão a proteção do habitat e a sensibilização das comunidades em prol da ação.

O Plano de Ação Nacional para a Conservação do Soldadinho-do-Araripe está disponível na íntegra no site do ICMBio, no endereço eletrônico www.icmbio.gov.br/biodiversidade/fauna-brasileira/lista-planos-de-acao-nacionais . Representações das mais diversas entidades estiveram presentes, FLONA, IBDVAMA, ACB, SEMACE, Geopark Araripe, SOS CHAPADA DO ARARIPE, SESC e Secretaria de Meio Ambiente do Crato e Sociedade Civil.
O projeto tem apoio da Bird Life, CEMAVE, IBAMA, The World Bank e PROBIO II.
Assessoria de Comunicação Geopark Araripe
Sarah Menezes
Jornalista

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Como Plantamos Pequi - Agrofloresta

Foto:Edemo Corrêa Canarana -MT
Colher os frutos bem maduros, aqueles caídos dos pés que não servem para alimentação muitos deles é ótimo para plantar, basta observar se não estão com brocas.
Em seguida retire a polpa com faca bem amolada (foto a cima) e colocar as sementes no chão ao natural por 30 dias, deixe tomar sol e chuva, se tiver formigas cortadeiras por perto melhor ainda, pois elas ajudam a eliminar o restante da polpa que a faca não consegue tirar.  
As sementes do pequi que não forem utilizadas para alimentação, coloquem-nas em um tambor com água e vai trocando a cada 02 dias, com uma semana solta a polpa, da mesma maneira colocar no sol.

A próxima etapa colocar as sementes em um canteiro com areia removida com uma pequena camada de terra, o máximo 02 cm da maneira que possa ver o dorso delas. Após trinta dias começa a germinação que só termina na próxima chuva do ano que vem.

A dificuldade da planta em saquinhos é porque terá que cuidar dela de um ano para o outro, pois no primeiro ano quando está no tamanho ideal para plantar a chuva já se foi.

O correto é quando as sementes estão germinando no canteiro de areia, no primeiro brotinho (veja fotos abaixo), transplantar para a cova bem rasa deixando o brotinho para fora.

É de muita importância fazer um ninho no entorno com capim, gravetos e folhas, mas não deixe encostar-se no brotinho, pois ele estará protegido de insetos e já terá matéria orgânica suficiente no seu começo de vida. Depois é só coroar ela com enxada uma vez por ano sempre trazendo o material para o entorno da planta.

Nós também plantamos o pequi direto a semente no meio do cerrado nativo, em 03 anos encontramos 100 pés.

Plantamos há 02 anos 1000 sementes a maioria nasceu no segundo ano.

Vamos mostrar fotos em outra oportunidade. É uma experiência nova. Estamos coroando eles e contando.

Até a próxima.

Por Kassu/AGUABOANEWS

Fotos - Dr. Edu Cassiano
Publicação e revisão - Meider Leister

sábado, 20 de agosto de 2011

VlI SALÃO DE OUTUBRO RESGATANDO AS ARTES NO CARIRI

Dando continuidade ao resgate das artes no Cariri a artista plástica Edilma Rocha, vem com a proposta de mais uma vez reabrir as portas das oportunidades artísticas através do SALÃO DE OUTUBRO em nível Nacional e Internacional, na cidade do Crato, Ceará.

O projeto foi resgatado pela SOCIEDADE DOS AMIGOS DO MUSEU DO CRATO e conta este ano  com o  apoio especial do INSTITUTO CULTURAL DO CARIRI – ICC. A curadoria fica com   Franklin Lacerda, Alexandre Lucas e Allan Bastos.

O salão acontecerá  no prédio do ICC na cidade do Crato, com abertura no dia 19 de outubro de 2011, se estendendo até o dia 23. Tem como meta acolher trabalhos representativos das artes plásticas e visuais com temáticas livres nas categorias de desenho, pintura, xilogravura, escultura e fotografia.

Os artistas poderão participar com até dois trabalhos originais, assinados e produzidos a partir de 2010. Só poderão se inscrever em apenas uma categoria na amostra. Dentre os artistas serão escolhidos, o primeiro, segundo e terceiro lugares pelas categorias por uma comissão Julgadora com premiações em medalhas e diplomas.

O Salão de Outubro renasceu como começou, apenas com o trabalho e a contribuição dos amantes da arte. Sem apóio financeiro que viessem  cobrir os custos do evento. E para dar continuidade, precisamos de uma pequena ajuda dos artistas.

AS INSCRIÇÕES JÁ ESTÃO ABERTAS

Os interessados poderão  fazer as suas inscrições  até o dia 10 de Outubro,pela internet  ou pessoalmente à rua |Tristão Gonçalves nº 519, centro, Crato. As entregas das obras devem ser de no mínimo 10 dias antes da abertura oficial, prontas para serem colocadas nos expositores. Lembrando que as obras só devem ser entregues após a inscrição. Quanto aos trabalhos vindos de outros estados brasileiros, serão responsáveis pelo frete de ida e volta.  

 A divulgação dos premiados e a entrega das medalhas e diplomas serão feitas no dia da abertura durante as solenidades  por ocasião do aniversário do INSTITUTO CULTURAL DO CARIRI.

Em seguida, coktel de confraternização.

PromotoraEdilma Rocha

Contatos: 
Edilma – TIM: (85) 9688 6043 
E-mail: edilma_bibba@hotmail.com

Instituições do Projeto Sobrado/Senzala se reúnem com Geopark Araripe

Criado esse ano, o Projeto Sobrado/Senzala Cultural do Vale do Salamanca, instalado na parte superior do Casarão da Cultura é, um agregado de instituições não governamentais da cidade de Barbalha, que juntas irão convergir ações culturais em parceria com as instituições públicas, privadas e congêneres com vistas à preservação e promoção do patrimônio histórico, das tradições, do meio ambiente, dos valores artísticos e literários do município de Barbalha. Pensando nisso, um expressivo grupo de amigos, presidentes de instituições que fazem parte do Projeto, Demontiêr Vieira (Panticola) representando a Sociedade Artística e Cultural Engenho Velho, Professor Josiêr Ferreira pelo Centro Pró Memória Josafá Magalhães, Alexandre e Irapuan Cezar (Brother) pela ONG Candeeiro das Trilhas e Gilsimar Gonçalves representando o Instituto Corrupio Povo Cariri, estiveram reunidos no último dia 18 com o Coordenador Executivo do Geopark Araripe, senhor Patricio Melo, a professora Renata Marinho, Sub-Chefe do Departamento de Ciências Sociais da URCA, Diretora do Núcleo de Estudos Regionais e Coordenadora do Inventário da Festa de Santo Antonio de Barbalha, em busca de firmar parcerias com o Geopark Araripe. Após breves apresentações das instituições e das questões sócios culturais e ambientais, foram enfocadas as dificuldades encontradas pelos Presidentes para o pleno desenvolvimento do Projeto. "O objetivo da reunião foi de buscar apoio junto ao Geopark, no sentido de estabelecer possível parceria para que possamos desenvolver algumas ações da proposta do Projeto Sobrado/Senzala", enfatizou o Professor Josiêr Ferreira. O Coordenador Executivo do Geopark Araripe, Patricio Melo, achou muito importante o Projeto e colocou-se a disposição para que a parceria entre as instituições seja estabelecida e o Projeto Sobrado/Senzala possa continuar contribuindo com a cultura, o meio ambiente e a memória da nossa cidade. Essa é a nova maneira de fazer cultura em Barbalha, cidade capital da Cultura Popular.














Sai relação das músicas que participarão do FEMUB

Saiu essa semana a relação das músicas que participarão no início do mês de setembro do Festival de Música de Barbalha, FEMUB. Confira:

ELEVADOR
LETRA E MÚSICA JOSEANE PEREIRA DOS SANTOS
INTERPRETAÇÃO: JOSEANA PEREIRA
CIDADE DE BARBALHA

JOÃO DO CÉU
LETRA  E MÚSICA: FCO. RAIMAR/MARCIO ANDRETTI/HUGO SALOMÃO/OMAR ROLIM/IVENS GARCIA
INTERPRETAÇÃO: OMAR ROLIM
CIDADE DE BARBALHA

MEU RADAR
LETRA E MÚSICA: NOQUINHA E JOÃO PAULO
INTERPRETAÇÃO: JOÃO PAULO
CIDADE DE BREJO SANTO

O TEMPO
LETRA E MUSICA: TOINHO, TIAGO E PAULO CESAR
INTERPRETAÇÃO: TOINHO
CIDADE DE BARBALHA

UM HOMEM CHAGADO
LETRA  E MÚSICA JOELIO FEITOSA E MATEUS
INTERPRETAÇÃO: MATEUS
CIDADE DE BREJO SANTO           

POR EU E VOCÊ           
LETRA E MUSICA: RUTZEN
INTERPRETAÇÃO: DIEGO
CIDADE DE BARBALHA

ALBUM DE FOTOGRAFIA                            
LETRA E MÚSICA: SAVIO MENEZES
INTERPRETAÇÃO: SAVIO MENEZES
CIDADE DE BARBALHA

CANTIGA PRA NINAR BARBALHA
LETRA  E MÚSICA: NEY ALENCAR
INTERPRETAÇÃO: NEY ALENCAR
CIDADE DE BARBALHA

 MAIS UMA DE AMOR NUMERO 10         
LETRA E MÚSICA: CUSTODIO TEIXEIRA
INTERPRETAÇÃO: CUSTODIO TEIXEIRA 
CIDADE DE BARBALHA

 GAMETAS DO CORAÇÃO     
LETRA E MÚSICA: HILDEGARDE FERREIRA E FERNANDINHO FERREIRA
INTERPRETAÇÃO: JOÃO EMANUEL
CIDADE DE BARBALHA

BRASIL MEU PAIS
 LETRA MUSICA: DAVILANIO
INTERPRETAÇÃO = DAVILANIO
CIDADE JUAZEIRO DO NORTE

PAULO DE TARSO                                       
LETRA E MÚSICA: JOÃO EMANUEL SAMPAIO PEREIRA
INTERPRETAÇÃO: JOÃO EMANUEL SAMPAIO PEREIRA
CIDADE DE BARBALHA
                      
PROGRAMA DE INDIO
LETRA E  MUSICA: TOINHO E TIAGO SILVA
INTERPRETAÇÃO: TOINHO
CIDADE DE BARBALHA

LEVA  EU                                
LETRA E MUSICA: HILDEGARDE FERREIRA
INTERPRETAÇÃO: CARLINHO DE DEUS
CIDADE DE BARBALHA

SILÊNCIO
LETRA E MÚSICA: FCO. RAIMAR/MARCIA ANDRETI/HUGO SALOMÃO/OMAR ROLIM/IVENS GARCIA
INTERPRETAÇÃO = OMAR ROLIM
CIDADE DE BARBALHA

VIDA
LETRA E MÚSICA: LAYLA COELHO LUNA
INTERPRETAÇÃO = JOSEANE PEREIRA DOS SANTOS
CIDADE DE BARBALHA

AMAR VOCÊ
LETRA E  MUSICA: DAVILANIO
INTERPRETAÇÃO: DAVILANIO
CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE

SEUS OLHOS                                                 
LETRA E MÚSICA: APARECIDO DE EXU
INTERPRETAÇÃO: APARECIDO DE EXU 
CIDADE DE BARBALHA


CONTATO                                 
9932-6607                                
9245-6774                                            
E-mail:  icec.crajubar@hotmail.com