terça-feira, 9 de janeiro de 2018



O Grupo de Folia de Reis Mestre Joaquim Mulato, tendo a frente Francisco Demontiêr dos Santos Vieira e Willianful Vieira de Andreza, encerrou ontem, 07/01/2018, as suas apresentações dentro do ciclo natalino.

Foram dez dias de muitos louvores em homenagem ao nascimento do Menino Jesus e aos três Reis Magos, enchendo de alegria os lares por onde passaram entoando cânticos alegres nas cidades de Missão Velha, Barbalha, Juazeiro do Norte e Crato.

O Grupo agradece a todas as famílias que abriram suas portas para recebê-lo e, aos patrocinadores que foram fundamentais para o sucesso das suas apresentações.

Salve as nossas manifestações culturais!




UMA VISITA DIVINA


Os Penitentes Irmãos da Cruz do Sítio Cabeceiras Município de Barbalha, receberam no último domingo, 09/01/2017, a visita da Beata Lídia, uma serva de Deus que desenvolve um trabalho de assistencial social, religiosa, cultural e educacional junto a famílias carentes e também apoia às pessoas portadoras de câncer e seus familiares através do Instituto São Peregrino de Assistência Social e Educacional da cidade de Propiá no Estado de Sergipe.

A Beata e os Penitentes fizeram orações juntos e entoaram cantos e louvores. O encontro só foi possível graças aos esforços da ONG Engenho Velho, através do seu Presidente Francisco Demontiêr dos Santos Vieira (Panticola) e, do Instituto Juazeiro de Educação Superior através da sua Diretora Ana Joarleine.

Salve, salve!






quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

GRUPO DE FOLIA DE REIS MESTRE JOAQUIM MULATO REALIZA APRESENTAÇÕES EM RESIDÊNCIAS DO SÍTIO CABECEIRAS





O Grupo de Folia de Reis Mestre Joaquim Mulato, sob a coordenação de Willianful Vieira de Andreza e Francisco Demontiêr (Panticola), estará realizando apresentações hoje, 28/12, a partir das 19 horas, em residências do Sítio Cabeceiras, Zona Rural da cidade de Barbalha, levando muita alegria e animação aos lares das pessoas desprovidas de ações culturais, entoando cânticos alegres em louvor ao nascimento do Menino Jesus e a visita dos Três Reis Magos.

As apresentações contam com o apoio do CENTRO CULTURAL BNB CARIRI, do SESC - JUAZEIRO DO NORTE, do INSTITUTO JUAZEIRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR, da Sociedade Artística e Cultural Engenho Velho e da Associação de Moradores do Sítio Cabeceiras.

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

GRUPO DE FOLIA DE REIS MESTRE JOAQUIM MULATO REALIZA APRESENTAÇÕES POR CIDADES DO CARIRI




O Grupo de Folia de Reis Mestre Joaquim Mulato, da tradição popular da cidade de Barbalha-CE, tendo a frente Francisco Demontiêr dos Santos Vieira (Panticola) e Willianful Vieira de Andreza, iniciou suas apresentações no Ciclo Natalino de 2017. As apresentações tiveram início na cidade de Juazeiro do Norte, onde o grupo realizou visitações em várias residências dos Bairros Novo Juazeiro e Conjunto Minha Casa Minha Vida, entoando cânticos alegres em louvor ao nascimento do Menino Jesus e as visitas dos três Reis Magos. 

A programação prossegue hoje, 26/12/2018, com apresentações em residências na cidade de Barbalha. 

o Grupo ainda fará apresentações nas cidades de Missão Velha, Jardim e Crato, como também no Sítio Cabeceiras e no Distrito de Arajara. 

sábado, 25 de novembro de 2017

1ª REUNIÃO DA CONFRARIA DO ESCRITOR


Aconteceu hoje a primeira reunião da Confraria do Escritor da cidade de Barbalha. Presentes o professor Antonio de Luna, o jornalista Josélio Araújo, o escritor e poeta Francisco Temóteo e o cantor e compositor Francisco Demontiêr (Panticola). Na ocasião foram debatidos vários assuntos, dentre eles o lançamento de um Cordel no próximo mês de dezembro e um informativo que circulará periodicamente levando informações, curiosidades e novidades do mundo da literatura.

A semente foi plantada, aguardemos os bons frutos que com certeza brotarão.

A Confraria conta com o apoio da Sociedade Artística e Cultural Engenho Velho e, amigos.

Salve! Salve!

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

CONFRARIA DO ESCRITOR REALIZARÁ PRIMEIRA REUNIÃO



A Confraria do Escritor da cidade de Barbalha realiza amanhã primeira reunião com a finalidade de aproximar os escritores e escritoras e, gerar um agradável debate sobre literatura e outros assuntos de interesse da categoria.

Estão sendo convidados, homens e mulheres, escritores, declamadores, poetas, repentistas, compositores, jornalistas e apaixonados pela literatura.

Sábado, 25/11/2017, 09 horas na Central da Pizza no Antigo Calçadão de Barbalha.


Mais uma ação da Sociedade Artística e Cultural Engenho Velho.

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Seminário debate salvaguarda do patrimônio imaterial brasileiro


O Brasil tem 41 bens registrados que representam a singularidade e a diversidade das manifestações culturais do povo brasileiro, sendo cinco deles reconhecidos como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Esse resultado é consequência dos avanços da Política de Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, que teve como marco à Carta de Fortaleza, elaborada há 20 anos em seminário realizado na capital cearense. 

Para revisitar a trajetória da elaboração e os caminhos da implementação, bem como os avanços e futuro dessa Política, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), instituição vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), promove, de 8 a 11 de novembro, o II Seminário de Fortaleza - Desafios para o Fortalecimento da Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil. 

O evento será aberto no Theatro José de Alencar com a conferência Magna de Laurent Levi-Strauss. O francês, membro do Conselho da Europa Nostra, maior ONG europeia para a salvaguarda do Patrimônio Cultural em 43 países, lembra que, quando a Carta de Fortaleza foi produzida, o Brasil estava bastante avançado em relação à maior parte da comunidade internacional. "Seis anos depois, em 2003, a Unesco publicou a Convenção para a Salvaguarda, que alcançou, desde sua consolidação, um rápido e impressionante sucesso. Ela abriu caminho para uma concepção de patrimônio cultural mais completa e ampla", disse.

No contexto desse seminário, também ocorrerá a reunião do Centro Regional para Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial da América Latina (Crespial), da Unesco, com representantes de 15 países. "O Brasil se destaca no cenário mundial pela sua atuação na salvaguarda dos bens culturais imateriais. O Iphan é uma das mais longevas instituições do país e a primeira da América Latina a se dedicar à preservação do Patrimônio Cultural", ressalta a presidente do Instituto, Kátia Bogéa.  

O Seminário terá sequência com programação no Cineteatro São Luiz, com mesas redondas, debates e palestras com renomados especialistas na área do Patrimônio Imaterial. Entre eles estão alguns dos membros que organizaram o primeiro Seminário realizado há 20 anos e que participaram da elaboração da proposta técnica que resultou no atual Decreto que institui a Política de Salvaguarda. 

"É muito oportuno, 20 anos depois, o Iphan realizar um novo encontro para debater a Carta de Fortaleza. Cabe agora debatermos e pensarmos nos novos desafios em torno do patrimônio imaterial no Brasil", afirma o secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano dos Santos Piúba. 

Só no Ceará, são quatro bens reconhecidos como Patrimônio Cultural em âmbito federal: o Ofício dos Mestres de Capoeira e a Roda de Capoeira, em 2008; o Teatro de Bonecos Popular do Nordeste e a Festa do Pau de Santo Antônio de Barbalha, ambos em 2015.  


Organizado pelo Departamento do Patrimônio Imaterial do Iphan, o II Seminário conta com a parceria da Unesco, do Crespial, do governo do Estado, além das prefeituras e secretarias de culturas do Ceará, de Fortaleza, de Aracati e do Crato.

Serviço: 
II Seminário de Fortaleza 
Abertura: 08/11/2017
Conferência Magna do Laurent Levi-Strauss
Horário: 18h30 
Local: Theatro José de Alencar 

Palestras: 09 a 11/11/2017
Horários: de 8h as 18h
Local: Cineteatro São Luiz

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)
Ministério da Cultura (MinC)