Rádio Engenho Velho

sábado, 26 de novembro de 2011

Poeta Barbalhense lança cordel sobre René


A Biblioteca Pública Municipal de Barbalha, Padre Agostinho Mascarenhas, se tornou pequena na noite de 25 de novembro de 2011 por ocasião do lançamento do Cordel: René de Prosa e Nós de Versos, do poeta barbalhense Francisco de Assis de Sousa, Tiquinho. O cordel trata de uma justa homenagem ao grande René, que durante sua vida foi uma das pessoas emblemáticas da cultura barbalhense. Historiador nato, Francisco René Grangeiro tinha a sua maneira de contar os causos e as verdades acontecidas em nossa cidade. René nos deu verdadeiros exemplos do que é ser um cidadão barbalhense. O Pai, o homem, o servidor público, o historiador, o barbalhense René é, um daqueles que merecem ostentar o título de Filho Ilustre. E o poeta Francisco de Assis Sousa, da Sociedade dos Poetas de Barbalha acertou em cheio quando decidiu colocar René nos anais da nossa história através da literatura de cordel. Estiverem presentes ao evento o Professor Eugenio Dantas, presidente da Academia dos Cordelistas do Crato, os Poetas: Luciano Carneiro, Zé Joel, Tico Bento, Liberato Vieira, Pirajá, Antonio Hildegardes Ferreira, Soneca e a poetisa Mana. A família de René prestigiou o lançamento do Cordel e o Projeto Sobrado Senzala Cultural esteve representado por Francisco Demontiêr dos Santos Vieira, Panticola, Presidente da Sociedade Artística e Cultural Engenho Velho.











Nenhum comentário: