sexta-feira, 14 de outubro de 2011

PEGUE XANGAI NO BALAIO CULTURAL



Eugênio Avelino, popularmente conhecido como Xangai (Itapebi, 20 de março de 1948) é um cantor, compositor e violeiro brasileiro.
Nasceu às margens do Córrego do Jundiá, afluente do Rio Jequitinhonha, na zona rural do município de Itapebi, no extremo sul da Bahia.
Filho e neto de sanfoneiro, ainda aos 18 anos fixou-se com os seus pais na cidade de Nanuque, no norte de Minas Gerais. Xangai é descendente direto do bandeirante João Gonçalves da Costa, fundador do Arraial da Conquista, atualmente Vitória da Conquista.
Viveu em Vitória da Conquista, na Bahia, de onde recebeu a influência que o tornou um cantor sertanejo.
Seu pai era proprietário de uma sorveteria chamada Xangai na cidade de Nanuque, daí se originando o seu apelido e atual nome artístico.
No ano de 1976, gravou o seu primeiro disco, "Acontecivento", com destaque para as músicas Asa Branca, Forró de Surubim e Esta Mata Serenou.
Apresenta na Rádio Educadora da Bahia o programa "Brasilerança", através do qual contribui para a divulgação da cultura musical da região nordestina brasileira.
É considerado como o melhor intérprete de Elomar, propiciando inclusive a facilitação do entendimento das composições deste compositor classificado como erudito por muitos.
Participou com o cantor Waldick Soriano dos últimos shows da carreira deste antigo nome da chamada música brega brasileira, inclusive na cidade natal de Waldick, Caetité, em 26 de maio de 2007.

Em 1999 foi convidado a participar do álbum de comemoração de 100 anos do Esporte Clube Vitória, time do seu coração.





PEGUE XANGAI NO BALAIO CULTURAL:

1976 - Acontecivento:
1980 - Parcelada Malunga (com Elomar, Arthur Moreira Lima e Heraldo do Monte):
1982 - Qué qui tu tem canário:
1984 - Cantoria 1:
1984 - Mutirão da vida:
1986 - Xangai canta Elomar:
1988 - Cantoria 2:
1988 - Elomar - Conserto Sertanez:
1990 - Lua cheia lua nova:
1991 - Dos labutos:
1993 - Aguaraterra:
1997 - Cantoria de festa:
1997 - Um abraço pra ti, pequenina:
1999 - Ao vivo em Garanhuns:
2001 - Brasileirança:
2004 - Nóis é jeca mais é joia:
2006 - Estampas Eucalol:
Xangai(Eugênio Avelino):
http://www.megaupload.com/?d=7QEQ31A9


2 comentários:

Tharcísyo Duarte disse...

Olá! Será que tem como você postar os CDs do Xangai novamente.

Grato!

Brandão Neto disse...

posta denovo pra gente